Metodologia

Há diversas maneiras de facilitar a progressão de idade, que vão desde sugestões diretas e estruturadas até formas de comunicação menos diretas.

O método mais direto para facilitar a progressão de idade é o mesmo utilizado para a regressão de idade – um “veículo especial” viaja em direção ao futuro, ver uma cena como se fosse parte de um filme do futuro, um livro no qual é possível ler sobre o futuro, ou uma coleção de fotografias de eventos no futuro. Todas estas são metodologias estruturadas para facilitar uma orientação ou projeção em direção ao futuro. Uma progressão de idade simples e direta, por exemplo, é demonstrada assim:

…e agora que você teve a oportunidade de descobrir algo muito importante sobre si mesmo, eu fico pensando quantas novas maneiras você encontrará de utilizar este seu novo aprendizado…

Neste exemplo, o cliente deve integrar o pensamento ou aprendizado em sua própria vida de uma forma que possa ser benéfica e positiva.
As sugestões indiretas para orientar o cliente no uso futuro de seus aprendizados podem incluir:

Metodologias que utilizam metáforas (“Eu gostaria de lhe contar sobre uma cliente com quem trabalhei que conseguiu imaginar a si mesma depois de se terem passado dois meses da nossa sessão, fazendo coisas que ela jamais imaginara que poderia conseguir.”)

Sugestões fixas (“Às vezes eu gosto de observar o que está à minha volta e me perguntar como seria no futuro ao imaginar como estarei me sentindo fantástico em relação a todas as mudanças que venho fazendo.”)

Pressuposições (“Eu fico me perguntando: Onde exatamente você vai estar e o que estará fazendo quando você tiver conseguido não fumar – nem uma única vez durante vários dias.”)

Perguntas indiretas fixas (“Você pode me contar como vai descrever aos seus amigos como resolveu este problema, não é mesmo?”)

Cada uma destas metodologias e exemplos demonstra uma maneira possível de guiar o cliente a um estado de transe que permita que ele desenvolva e mantenha expectativas positivas sobre o futuro.

R$ 997,00

Quero este curso! Este curso inclui:
  • Trainer: Stephen Paul Adler
  • 16 aulas – Duração Total 14h32m
  • Com tradução consecutiva

Esta técnica se refere a levar o cliente de volta no tempo para alguma experiência com o intuito de revivê-la como se ela estivesse acontecendo no aqui e agora.

Descrição do curso

Regressão de Idade

Esta técnica se refere tanto a levar o cliente de volta no tempo para alguma experiência com o intuito de revivê-la – revivificação – como se ela estivesse acontecendo no aqui e agora, como, também, a simplesmente fazer com que o cliente lembre-se da experiência tão intensamente quanto possível.

Na revivificação, o cliente fica imerso na experiência, revivendo-a exatamente como ela aconteceu, ou conforme a lembrança do momento em que ocorreu.

Ao lembrar-se mais intensamente, o cliente está presente na situação, porém com um grau de dissociação que lhe permite recordar de forma segura os detalhes do evento do que quando este era lembrado anteriormente. A regressão de idade nos dá a oportunidade de viajar de volta no tempo para recuperar as memórias esquecidas ou para “retrabalhar’ antigas memórias no intuito de chegar a novas conclusões.

Erickson raramente usava a regressão de idade como um simples método para recordar. Ele sentia que as ações dos clientes com frequência se baseavam em aprendizagens incompletas – aprendizagens que haviam sido interrompidas antes que a experiência de aprendizagem houvesse sido concluída. Ao voltar no tempo e reviver e retrabalhar a situação, uma aprendizagem mais completa acontece. Quando a aprendizagem é completada, as conclusões baseadas na informação nova ou retrabalhada são com frequência bastante diferentes. As ações ou reações e sistema de crenças do cliente se modificam, fazendo com que o cliente passe a ter respostas muito mais evoluídas, realistas, efetivas e produtivas para as situações da vida.

Exemplo: Um amigo chegado tem uma filha que foi para a sua primeira escola de dança. Eu não sei se você consegue se lembrar da sua, mas com certeza foi uma época excitante para ela. (Regressão de idade, sugestão indireta)

Progressão de Idade (Fantasia Inconsciente)

A progressão de idade é diferente de perguntar aos clientes o que eles esperam fazer, ou onde eles esperam estar dentro de cinco ou dez anos (fantasia consciente).

Erickson: A projeção no tempo, ou ensaio mental, se refere ao trabalho terapêutico orientado para o futuro. Uma vez que esteja em transe profundo é pedido ao cliente que se imagine no futuro, mas devido à profundidade do transe e ao grau de talento hipnótico do cliente a experiência tem uma intensidade e uma qualidade de realidade que uma fantasia consciente não possui. (Erickson, 1980, Vol.4, página 397).

Consequentemente o paciente pode responder psicologicamente de modo efetivo às suas metas terapêuticas desejadas como se elas fossem realidades já alcançadas.

Pode ser mais produtivo quando se usa a regressão de idade trazer o cliente de volta para o dia presente, seguindo-se de uma progressão de idade para verificar a efetividade das intervenções usadas ao se “trabalhar” os aspectos inerentes na regressão de idade anterior.

Erickson: Sujeitos orientados a partir do presente para o futuro real, instruídos para olhar em retrospectiva para o trabalho hipnótico proposto como se este já houvesse sido realizado de fato, conseguem com frequência, através de suas “reminiscências”, fornecer ao hipnotizador compreensões que podem prontamente levar a um trabalho muito mais saudável no transe profundo. – [1952] (Erickson, 1980, Vol. I, cap. 6, p. 165)

Este curso é para quem?

Descubra se esse curso é para você!

Terapeutas e Psicólogos

Trainers de PNL e Professores

Psiquiatrias

Conteúdo do Curso

Regressão de idade pode ser usada para:

Encontrar os recursos esquecidos;
Auxiliar e desenvolver de recursos adicionais;
Conecte-se ao poder das experiências alegres que todos tivemos ou que nunca teríamos sobrevivido às nossas infâncias;
Regredir um cliente usando transe conversacional;
Desenvolver uma maneira otimista de ver as possibilidades da vida;
Desenvolver o domínio sobre experiências passadas;
Reduzir a depressão;
Abertura da criatividade;
Reforçar um sentimento de vitalidade;
Fornece aprendizado experimental;
Estabeleça idéias positivas… semeando… e construindo sobre estas idéias positivas;
Como conduzir regressões que não se traumatizam.

Conheça o professor

Dr. Stephen Paul Adler, PhD

Stephen Paul Adler, autoridade sênior em Psicanálise, Ph.D. em Psicologia e Pós-doutor em estresse pós-traumático. Seu trabalho, ao longo destes 50 anos dedicados aos seus pacientes, pesquisas, e ao seu empenho em aprender cada vez mais, garantiram 19 certificações técnicas em diferentes áreas da psicoterapia e o reconhecimento mundial como expert em Hipnose Ericksoniana e ministro da igreja Interfaith.

Durante os últimos 25 anos, Stephen mergulhou profundamente nos ensinamentos de Milton H. Erickson, dominando e aperfeiçoando a técnica de hipnose. O pleno conhecimento da filosofia ericksoniana e a vivência profissional com o trauma psicológico, incentivaram-no a desenvolver a Resolução Neurobiológica de Trauma, abordagem especial para cura de traumas psicológicos diversos.

Stephen lecionou nas Universidades de Nova Iorque, New School for Social Research, National Psychological Association for Psychoanalysis e no National Institute for Psychotherapies; e atuou como diretor internacional da New York Milton H. Erickson Society for Psychotherapy and Hypnosis.

Por conta de sua contribuição ao campo de resolução de traumas e ao empenho na difusão da Hipnose Ericksoniana, Stephen Paul Adler é considerado, atualmente, um dos principais discípulos de Milton H. Erickson e o único consultor com certificação pela ASCH – American Society of Clinical Hypnosis (Sociedade Americana de Hipnose Clínica) no Brasil.

Depoimentos em vídeo

Depoimento Clair Mattes

Depoimento Renato Ricci

Depoimento Tamara Hamle

Ver todos os depoimentos no Youtube